Vespas asiáticas: Por que esse invasor prejudicial causa tantos danos?

Frelons asiatiques : Pourquoi cet invasif nuisible fait-il tant de dégâts ?
© Loconet

A chegada de Vespas asiáticas em França levantou muitas preocupações. Esses insetos, nativos da Ásia, são conhecidos por sua agressividade e capacidade de causar danos consideráveis.

Mas por que essas pragas invasoras causam tantos danos? Isso é o que descobriremos neste artigo.

Uma espécie invasora formidável

A vespa asiática, ou Vespa velutina, é uma espécie invasora que foi introduzida acidentalmente na França no início dos anos 2000. Desde então, espalhou-se amplamente por todo o país, causando muitos problemas.

Esses insetos são particularmente perigoso para a biodiversidade. Na verdade, são grandes predadores de insetos, principalmente de abelhas.

De acordo com o INRAE ​​​​(Instituto Nacional de Pesquisa em Agricultura, Alimentação e Meio Ambiente), um único ninho de vespas asiáticas pode destruir até 30.000 abelhas por dia!

Isto tem um impacto desastroso nas populações locais de abelhas e, portanto, na polinização.

Um perigo para os humanos

As vespas asiáticas não são apenas uma ameaça à biodiversidade. Eles também representam um perigo para os humanos. A picada é extremamente dolorosa e pode causar reações alérgicas graves, até fatais em alguns casos.

Além disso, esses insetos são muito agressivos quando se sentem ameaçados. Eles podem atacar em grupos e perseguir suas vítimas por dezenas de metros.

Portanto, é fortemente recomendado não se aproximar de um ninho de vespas asiáticas sem proteção adequada.

Como combater as vespas asiáticas?

Perante esta ameaça, é essencial implementar medidas de controle eficazes. A destruição dos ninhos é uma solução frequentemente recomendada.

Porém, esta operação deve ser realizada por profissionais para evitar qualquer risco.

Čítať  A verdade sobre as baratas: 3 mitos desmascarados

Existem também armadilhas para vespas asiáticas que permitem a captura de rainhas na primavera, antes de encontrarem novas colônias.

Estas armadilhas devem ser utilizadas com cautela para não capturar outras espécies de insetos.

Por último, a investigação está a trabalhar em soluções mais ecológicas, como a utilização de predadores naturais ou vírus específicos das vespas asiáticas.

Prevenção, uma questão importante

Além da luta, prevenção é uma questão importante na gestão do problema das vespas asiáticas. É importante informar o público sobre os riscos associados a estes insectos e as boas práticas a adoptar para prevenir a sua propagação.

Se avistar um ninho de vespas asiáticas, é imprescindível não intervir sozinho e contactar rapidamente os serviços competentes.

Lembre-se que cada ação conta para preservar nosso meio ambiente e nossa saúde. Então, compartilhe este artigo com seus entes queridos e volte em breve para obter mais dicas e informações sobre proteção contra pragas.

Isso também pode te interessar.

Compartilhe isso: